Ad
Ad
Ad


O empresário Roberto Justus, em entrevista ao Programa Pânico, da Jovem Pan, na tarde desta terça-feira (02), criticou a quarentena imposta no Brasil, em decorrência da pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2).

“O maior erro foi fechar dessa forma a humanidade” lamentou o empresário.

Além disso, Roberto Justus explicou que o Brasil deveria ter isolado apenas as pessoas que estão no grupo de riscos do Coronavírus, como idosos e portadores de doenças crônicas.

“Essa doença não é tão grave para quem tem a saúde em dia, a imunidade ok” afirmou.

Deixe uma resposta