Ad
Ad
Ad

O Embaixador do Estado do Kuwait no Brasil, Sr. Nasser Riden Al-Motairi, recebeu convidados para a celebração das Datas Nacionais do país. Como enfatizado pelo Embaixador Al-Motairi em ocasiões anteriores, o Brasil éum país de enorme potencial e no Kuwait há um interesse sólido em promover a cooperação econômica e comercial, além de expandir os investimentos diretos no Brasil, para que ambos os países se beneficiem mutuamente de forma que os resultados alcançados sejam satisfatórios e elevemo nível das relações bilaterais. O Kuwait é um país que tem se empenhado em criar pontes de cooperação com todos os povos do mundo.

Grupo de Jornalistas

Recentemente foi lançado o Selo Comemorativo alusivo ao Aniversário de 51 Anos do Estabelecimento das Relações Diplomáticas entre o Kuwait e o Brasil, que contou com a presença do General Floriano Peixoto, Presidente dos Correios, além da realização da Semana Cultural do Kuwait em São Paulo em 2019. Vale também destacar as diversas visitas e encontros de alto nível entre os países, como a visita da Ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e do Deputado Federal Eduardo Bolsonaro ao Kuwait no ano passado. Há também um grande desejo de receber o Presidente Jair Bolsonaro no Kuwait ainda em 2020 e no mês de abril ocorrerá a segunda reunião de Consultas Bilaterais Brasil-Kuwait, em Brasília.

País com a moeda mais valorizada do mundo e um dos maiores produtores de petróleo do mundo, moderno e tradicional, o Kuwait localiza-se na península Arábica, limitando-se com a Arábia Saudita (a oeste e ao sul), Iraque (ao norte) e com o Golfo Pérsico a leste. O Kuwait, quinto maior produtor de petróleo do mundo, possui aproximadamente 10% das reservas mundiais de petróleo, a maior fonte de riqueza do país. A exploração desse produto estimulou fluxos migratórios com destino ao país, e por isso a população kuaitiana é menor do que a de estrangeiros. O país também é um dos maiores produtores mundiais de gás natural. Com o intuito de flexibilizar a economia nacional, o governo vem implantando medidas para atrair investimentos internacionais, oferecendo vantagens econômicas para empresas transnacionais, além de vários projetos de cooperação com países estrangeiros.

Na ocasião, foram comemoradas duas datas importantes da história recente do país. O dia 25 de fevereiro é celebrado como Dia Nacional para o povo do Kuwait. Trata-se do aniversário da Ascenção ao Trono do sheikhAbdullah al-Salim al-Sabah, ocorrida em 25 de fevereiro de 1961. Ao contrário de seus antecessores, Abdullah era mais pró-árabe do que pró-britânico. Ele pôs fim ao status de “Protetorado” Britânico no Kuwait, assinando um tratado com o Reino Unido em 19 de junho de 1961, quando também se tornou Emir. Ele é considerado o fundador do Kuwait moderno, introduziu a Constituição do Kuwait em 1962, seguida pelo Parlamento em 1963. Já o dia 26 de fevereiro é conhecido como Dia da Liberação, e refere-se à retirada das tropas do Iraque do território kuaitiano durante a Guerra do Golfo, em 26 de fevereiro de 1991.

Deixe uma resposta